Início do impeachment no RJ está marcado

0
73
O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, durante audiência pública da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados para debater sobre audiências de custódia.

Está marcado para quinta-feira (18), ao meio-dia, a instalação da comissão que analisará o pedido de impeachment do governador Wilson Witzel.

A comissão especial será formada por deputados dos 25 parrtidos da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Os deputados Marcos Abrahão (Avante) e Marcus Vinicius (PTB) que foram presos na operação Furna da Onça, vão fazer parte da comissão.

Por meio de nota, o presidente da Alerj, André Ceciliano (PT) informou que a cópia do processo só será enviada ao governador depois da instalação da comissão.

HISTÓRICO

Todo o processo de impeachment do governador do Rio de Janeiro, começou no dia 10, quando foi aprovado na Alerj. A acusação: crime de responsabilidade. A votação que foi pela internet, registrou maioria absoluta, com apenas uma abstenção.

Acusação

Witzel é suspeito de envolvimento em compras superfaturadas e com fraudes de materiais relacionados a saúde, que deveriam ser utilizados para combate a Covid-19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui