Países da UE quererem fechar fronteiras com Brasil por causa do coronavírus

0
87

União Europeia está debatendo em Bruxelas como será realizada a reabertura do continente e os brasileiros deverão ficar de fora.

Nessa quinta, fontes diplomáticas europeias que apoiaram a OMS, alertaram que brasileiros possam ser impedidos de entrar na Europa enquanto a Covid-19 não for controlada.

Cada país vai ter seu caso estudado pela União Europeia no que diz respeito a liberação ou não da entrada.

As autoridades europeias estão preocupadas com o rápido crescimento de casos e com a falta de respostas do governo brasileiro. Segundo dados europeus, o Brasil é o maior em aumento de casos nas últimas semanas.

“Dependeria do Brasil, não de nós”, explicou uma fonte sobre a permissão ou não da entrada de brasileiros na UE.

MEDIDAS INTERMEDIÁRIAS

Uma outra proposta também está na mesa, como aceitar a volta de turistas do Brasil nos próximos meses, mas desde que alguma garantia seja dada.

É importante que se discuta esse fechamento, tendo em vista que a economia brasileira é o maior destino de investimentos provenientes da Europa, de modo que manter uma conexão com o país é “fundamental”.

O ministro da saúde da França, Olivier Veran, comentou sobre a questão das fronteira, de que a prioridade é “proteger a saúde”. Ele também garantiu que a restrição a terceiros países irá ocorrer.

“Não há vontade de criar um ostracismo de nenhum país. A França e a Europa são terras de acolhida”, disse. “Mas existem medidas de precaução que são importantes. Abrimos as fronteiras internas na Europa. Logo, haverá aberturas de fronteiras para fora. Mas precisamos proteger a segurança e saúde dos europeus. Por isso que vamos olhar situação por situação em função do avanço do vírus, das medidas que são colocadas por países para frear a circulação do vírus”, explicou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui